segunda-feira, 12 de abril de 2010

No limbo


Recém chegado ao clube dos quarentões, descobri que entrei pro limbo da vacinação da H1N1.
Estou numa faixa etária inexistente na campanha. 
Não que me interesse essa porcaria de vacina. De todas as gripes essa foi uma das que menos matou, mas concordo que as indústrias farmacêuticas, 'coitadinhas', necessitem tirar uma grana da macacada paranóica, mesmo que seja através do governo.

Mas como estamos no país dos estatutos, delegacias especiais (segmentá-las pra que, já que nem o básico é respeitado?) e do racismo institucionalizado (sim, sou absolutamente contra cotas raciais, até o nome é horrível) eu quero o estatuto da meia-idade!

Aproveito para inciar a campanha para se criar a delegacia do quarentão marombeiro (nos EUA old bodybuilder - chique né?).