segunda-feira, 2 de maio de 2011

Ainda bem que não se pode generalizar

O presidente da nação mais poderosa do mundo (militarmente) diz que assassinato  e operações ilícitas são justiça.
Estamos bem "protegidos" mesmo.
Ainda por cima anuncia o fato como se isso resolvesse algo...

A única esperança é ver que nem todo norte americano é desmiolado: Jogador da NBA ataca "festa" dos EUA com morte de Bin Laden.