sexta-feira, 15 de outubro de 2010

Lennon

Há uns 2 dias Lady Gaga disse temer morrer como John Lennon.
Patético, alguém só a mataria se tivesse um ataque de bom gosto.

O assassinato de Lennon há 30 anos me faz lembrar do tratado sobre caráter de Wilhelm Reich, principalmente em seu "O assassinato de Cristo".
Mas Lennon também me remeteu a uma música sua que coincide com certos momentos que passei e estou passando.

Quebrar os paradigmas e se arremessar fora do establishment é audacioso, e apesar de gerar algumas doses de culpa e angústia, abre universos inexplorados, mas é certo que é muito mais incômodo e perturbador para os que nos cercam e que são imersos nessa ideologia do trabalho e acúmulo.

Essa música foi escrita quando Lennon largou a carreira no auge e disse que não queria mais fazer nada além de ficar em casa pelado e curtindo o filho.

Esse tipo de ação inofensiva mexe muito com essa sociedade, e em muitos casos deseja-se extirpá-la ("O assassinato de Cristo" - Wilhelm Reich), onde "assassinar/extirpar" pode ser um ato figurado de multiplas faces ou até mesmo ser a eliminação física própriamente dita.

Quando perguntaram a Mark Chapman porque matara Lennon, os motivos foram bastante confusos.

Tradução meia-boca da internet:

Watching The Wheels


As pessoas dizem que eu sou louco por fazer o que faço
Bem, eles me dão todos os tipos de conselhos para me salvar do fracasso
Quando eu digo que eu estou o.k, bem, eles olham para mim de um jeito estranho
Com certeza você não está feliz agora que você já não joga (mais) o jogo
As pessoas dizem que eu sou preguiçoso fazendo de minha vida apenas sonhos
Bem eles me dão todos os tipos de conselho feitos para me iluminar
Quando eu lhes falo que eu estou bem assistindo sombras na parede
Você não sente falta do menino daquele tempo grandioso, que você não é mais?

Eu estou apenas sentado aqui olhando o movimento
Eu realmente adoro ver o movimento
Já não monto no carrossel
Eu apenas tive que deixar rolar

Ah, as pessoas fazem perguntas, perdidas em confusão
Bem, eu lhes digo que não há problemas, só soluções,
Bem, eles balançam suas cabeças e me olham como se eu tivesse perdido a razão
Eu lhes digo que não há nenhuma pressa
Estou apenas sentado aqui "fazendo hora"

Estou apenas sentado aqui olhando o movimento
Eu realmente adoro ver o movimento
Já não monto no carrossel, apenas tive que deixar ir
Eu apenas tive que deixar rolar
Eu apenas tive que deixar rolar
Eu apenas tive que deixar rolar